Bem-vindos ao site português do Departamento Nacional da Pastoral Juvenil dedicado à JMJ16.

 JORNADAS MUNDIAIS DA JUVENTUDE 2016
CRACÓVIA, POLÓNIA - 26 JULHO A 31 JULHO

«Bem-aventurados os misericordiosos porque alcançarão misericórdia» (Mt 5,7) 

Carta aos Voluntários

Preclaros jovens voluntários portugueses,

É com muita Alegria que me dirijo a vós, para vos saudar, agradecer e congratular pela vossa aceitação pelo COL em diálogo com o DNPJ, mas sobretudo agradecer a vossa solicitude, revelada nesta inscrição na experiência como voluntários: um nobre gesto, que é serviço de amor.

 

 Os voluntários conferem à Jornada Mundial Juventude, citando Bento XVI a "fisionomia da amabilidade, da simpatia e da dedicação aos outros, uma forma diferente de participação na Jornada, menos intensa na vivência dos momentos charneiros, mas mais premente na solicitude e na entrega aos outros seguindo a virtude evangélica “Se alguém quiser ser o primeiro, há- de ser o último de todos e o servo de todos.”  (Mc 9,35).

 

Parabéns pela coragem e ousadia. Assim, e, no dinamismo da Fé, respondeis afirmativamente ao mandamento novo do amor, que vos chama a ser sal da terra e luz do mundo, a fazer coisas belas e sobretudo a fazer “das vossas vidas lugares de beleza”.

 

Estou certo que todos estais conscientes da vossa preciosa colaboração e contributo para esta Jornada Mundial da Juventude Cracóvia 2016 que nos impulsiona a “acolher a luz da misericórdia”, o DNPJ quer estar convosco, e percorrer convosco este caminho de preparação rumo à JMJ Cracóvia 2016, abraçando a vossa Missão como nossa Missão, pois viver em Igreja é comungar o mistério de comunhão, uma Igreja que se enriquece a cada dia com o contributo de cada um dos seus membros. Também como país ousamos caminhos sempre novos de comunhão.

 

Imbuídos deste espírito somos a convidar-vos a partilhar a Alegria dos vossos testemunhos, durante este período de preparação para o grande “jubileu da misericórdia – jubileu dos jovens” que viveremos juntos em Cracóvia 2016.

 

Que este Serviço, reforce em vós a Esperança vivida na Alegria...pois como dizia Tagore:  Sonhei que a vida era alegria...Acordei e vi que a vida era Serviço, Servi e vi que Servir é alegria!"

 

Vidas feitas Dom!

 

 

1 de junho de 2016

 

Padre Eduardo Novo